Obra deixa rua enlameada

Moradores da rua Marcílio Dias, no bairro Santa Rita, informaram para a Rádio Cidade o problema que vêm enfrentando com a lama e o pó vindos de um terreno no começo da rua, o qual está sendo aterrado e está causando transtorno em comércios, devido a sujeira encontrada na via.

Segundo os moradores, as duas últimas chuvas deixaram a rua praticamente intransitável com a quantidade de lama descida do morro.

A Fundação Municipal do Meio Ambiente (Fundema) informou para a Rádio Cidade que duas obras estavam acontecendo na mesma região simultaneamente: Uma na rua Marcílio Dias, a qual está sendo construído um acesso para as residências que ficam no morro, e a outra estava acontecendo na rua Sete de Setembro, que também estava gerando barro, porém, está segunda já foi finalizada.

A Fundema esteve na obra da rua rua Marcílio Dias na terça-feira (5), e conversou com um dos proprietários do terreno, o qual informou que está sendo providenciado a fixação de tubos e caixas coletoras para evitar que se deposite lama na via pública.

Segundo o fiscal Vinicius Medeiros, a obra já foi iniciada. A tubulação foi canalizada com a rua desde o começo do morro e será alongada até o topo, e dez caixas coletoras, que tem a função de captar a água vinda do morro, também serão construídas para controlar a velocidade da água.

 

 

Dúvidas ou Sugestões

Brusque perde para Joinville pelo Estadual de Basquete Adulto

Em um grande jogo, decidido apenas na última bola na Arena Brusque, o Brusque Basquete acabou derrotado por Joinville pelo placar de 72 a 71. Embalados ao som da Fenarreco, aos fundos da Arena, as equipes protagonizaram um jogo de tempos distintos, mas, ao fim, o time do Norte levou a melhor e manteve os 100% de aproveitamento na competição, agora com 11 vitórias em 11 jogos.  O Brusque sofreu o terceiro revés, mas, com nove vitórias e 21...
Continuar lendo...

Justiça reconduz ao cargo procurador demitido

No último dia 18 de junho, a Justiça de Santa Catarina publicou decisão que determina o retorno do procurador municipal de Brusque (SC), Alexandre Rafael Melquiades Elias, ao cargo efetivo. Em maio de 2017, Elias enviou à Câmara de Vereadores manifestação no qual contrariava as ideias do Executivo sobre o projeto de lei do Refis, o programa de parcelamento dos débitos fiscais. Após a manifestação, o procurador que...
Continuar lendo...

Rogério Lana: "Hoje se tem um produto que pode ser vendido"

Apesar da suspensão de dois contratos de patrocinadores por conta da pandemia, adiando o repasse das cotas para 2020, o Brusque Futebol Clube tem boas perspectivas financeiras para manter as contas em dia. Até o final do ano, sendo retomadas as competições, deve haver um superávit nos cofres na casa de R$ 1,2 milhão. Palavras do diretor financeiro, Rogério Lana, em entrevista ao programa Rádio Revista Cidade, da Rádio Cidade. O...
Continuar lendo...