′É o poste fazendo xixi no cachorro′, diz ex-secretário

A frase que intitula esta matéria foi dita por José Gustavo Halfpap, ex-secretário de Governo e Gestão Estratégica da Prefeitura de Brusque no governo do prefeito afastado Paulo Eccel. Em entrevista à Rádio Cidade esta semana, na quinta-feira (27), ele falou sobre a possibilidade de reativação da Companhia de Desenvolvimento de Brusque (Codeb), assunto levantado em uma das sessões da Câmara de Vereadores no primeiro semestre.

O assunto foi abordado pelos apresentadores Dirlei Silva e Rodrigo Santos no programa Rádio Revista Cidade (que vai ao ar diariamente das 8h ao meio-dia) por conta de uma assembleia convocada pelo atual governo com a diretoria da companhia e marcada para a próxima segunda-feira (30). Halfpap disse que a ideia de a Codeb de ser reativada não é algo positivo.

“Já se provou que não é bom, para o município. Reativar e querer incumbir a culpa à nossa gestão não dá”, frisou, em relação à processo de improbidade admnistrativa que foi impetrado pelo governo interino contra a gestão de Paulo eccel sobre o caso Codeb. Quando assumiu a Prefeitura em 2009, Eccel anunciou o fechamento da companhia, empresa de economia mista (pública e privada), da qual a Prefeitura é majoritária na sociedade.

Segundo ele, a gestão de Eccel recebeu a Codeb com dívida na casa de R$ 15 milhões em tributos (INSS, ISS, imposto de renda). Atualmente, a mesma dívida giraria na casa dos R$ 26 milhões. A Codeb fazia todos os serviços, contratando terceiros, o que, em sua visão, era algo desnecessário do ponto de vista de custos.

“Para que vou contratar o Rodrigo para te contratar se posso te contratar direto? Esse grupo que está aí agora entrou com uma ação de improbidade contra o prefeito Paulo porque não pagou a dívida. Eles que criaram a  dívida e estão nos acionando. É a linguiça correndo atrás do cachorro, o poste fazendo xixi no cachorro. É muita cara de pau”, disse Halfpap.

Terrenos do Samae

Ainda na entrevista, Halfpap falou sobre as colocações do atual governo sobre a negociação de terreno entre a Prefeitura e o Samae.  Halfpap reconheceu que havia uma dívida grande de faturas de água da Prefeitura com a autarquia, mas que o então governo de Eccel não teve tempo de resolver. O então governo de Eccel chegou a estudar quitar a dívida com a cessão de imóvel pertencente à Prefeitura, o que acabou não sendo realizado.

“Uma delas seria possivelmente aquele imóvel na Praça da Cidadania, que era uma das possibilidades de ação de pagamento. Não conseguimos. Agora essa ação (vender terrenos ao Samae) foge totalmente a qualquer razoabilidade, porque vai pegar o dinheiro à vista, botar nos cofres públicos, acertar as contas este final de ano e ano que vem vai pagar. Duvido e o dó”, disse ele, em menção a declarações do atual secretário de Gestão, Leônidas Pereira, em entrevista também à Rádio Cidade sobre o assunto.

Para ele,  a certeza de que há algo não claro na transação vem do próprio governo e de sua base aliada na Câmara. Uma porque os vereadores derrubaram esta semana o Regime de Urgência solicitado pelo Executivo para votar o projeto que trata da venda dos imóveis, além da postura do próprio diretor-presidente do Samae no trato do assunto em público.

“O próprio presidente da autarquia tem se esquivado na imprensa. Parece que não combinaram nem entre eles”, pontuou.

CONFIRA NO ALTO DA PÁGINA A ENTREVISTA COMPLETA 

Dúvidas ou Sugestões

Acusado de latrocínio do cabo Everaldo é condenado

A Justiça, através do Dr. Edemar Leopoldo Schlösser, Juiz da Vara Criminal, divulgou nesta sexta-feira (19) o resultado do julgamento de mais um envolvido no latrocínio em que foi vítima o cabo Everaldo, em Guabiruba. Desta vez o condenado é Rafael Fantoni, que segundo a Polícia Civil apurou, foi  quem conduziu um dos veículos no momento da fuga, após o roubo do malote e a execução do policial militar que fazia...
Continuar lendo...

Caminhão de Brusque se envolve em acidente na cidade de Tijucas

Por volta das 11h20min desta quarta-feira (1º), no Km 10,200, da rodovia SC-410, no bairro Nova Descoberta no município de Tijucas, foi registrado um acidente de trânsito. Conforme a Polícia Rodoviária, trata-se de colisão traseira envolvendo os veículos, um caminhão M.Benz/710 de Brusque e um motocicleta Honda/Biz de Tijucas/SC. A condutora da moto foi conduzida pelo Bombeiros para o hospital de Tijucas com lesões leves
Continuar lendo...

Sexta-feira registra quatro acidentes de trânsito em Brusque

Na sexta-feira (20) por volta das 08h40min o Corpo de Bombeiros de Brusque atendeu a um acidente de trânsito na rua Florianópolis, no bairro 1º de Maio. Envolveram-se no acidente, uma motocicleta Honda CG Titan 125 conduzida por um homem de 27 anos, e um veículo Toyota com placas de Brusque. O motociclista sentia fortes dores nas pernas, sendo encaminhado ao Hospital de Azambuja. Também na sexta-feira, por volta das 13h09min outro acidente de trânsito...
Continuar lendo...