Golpe do bilhete premiado rende oito mil

Mais uma vez a ganância prevaleceu e um homem de 56 anos de idade está amargurando um prejuízo de R$ 8.100 reais. No final da manhã de ontem (31), o aposentado caminhava pelo bairro Nova Brasília quando foi abordado por um casal de desconhecidos. O rapaz disse se chamar Marcelo e a mulher Maria. A moça então mostrou para o trouxa ganancioso um bilhete de loteria e disse que era premiado. Ela queria saber onde havia uma casa lotérica por perto para ter certeza do prêmio.

 

O casal então foi levado pelo aposentado até uma casa lotérica no bairro Santa Rita. Quem entrou para "conferir o prêmio" foi Marcelo, que retornou anunciando que o bilhete era mesmo premiado. Ele prometeu que, pela presteza do homem, iria recompensá-lo. Mas, para isso a vítima teria que depositar uma certa quantia em dinheiro como garantia.

 

O homem foi ao banco e sacou R$ 8.100, repassando ao casal. Marcelo então disse que iria dar ao aposentado R$ 500 mil, mas que antes teria que ir a Blumenau para trocar o bilhete. O cidadão ficou aguardando na frente de uma agência bancária, no Centro da cidade, de 13 horas às 16 horas, até que ligou para a família anunciando a cilada.

 

Dúvidas ou Sugestões