Arrecadação ultrapassou R$ 1 trilhão hoje

O Observatório Social de Brusque (OSBr) fez uma pesquisa sobre o valor pago pelos brasileiros em impostos de 1º de janeiro até esta segunda-feira (24). Segundo o que constou no Impostômetro, até as 11h15min de hoje, a arrecadação no país ultrapassou R$ 1,2 trilhão.

Os tributos brasileiros estão divididos em federais, estaduais e municipais. Os principais impostos federias são o Imposto de Renda (IR), Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) - cobrado em operações de câmbio e seguro, títulos ou valores mobiliários e no crédito, e o Imposto Territorial Rural (ITR). 

Ainda conforme o Impostômetro, por mês, os cidadãos pagaram quase R$ 160 bilhões. Já o valor por hora chega a R$ 214 milhões e por minuto R$ 3,5 milhões. Cada brasileiro é responsável pelo pagamento de R$ 1.207,91 em impostos. Somente hoje, os brasileiros pagaram mais de R$ 5 milhões até o meio dia.

Na lista dos principais impostos estaduais, o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) lideram essa tabela. Mas ainda existe a coleta municipal, com o Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU), Imposto sobre Transmissão Inter Vivos de Bens e Imóveis (ITBI) e o Imposto sobre Serviço (ISS).

Confira os valores exatos:

De 1o de janeiro até as 11h15min desta segunda-feira (24)

 R$ 1.293.824.437.312,60

Arrecadação total por cidadão brasileiro:

Por mês: R$ 159.511.967.297,72

Por hora: R$ 214.397.805,51

Por minuto: R$ 3.573.296,95 milhões

Arrecadação total só no dia 24 de agosto de 2015: R$ 5.145.547.332,18

Dúvidas ou Sugestões