Vereadores aprovam mudança no Regimento Interno

A sessão da Câmara de Vereadores de Guabiruba aprovou ontem o Projeto de Resolução no. 1/2015, de autoria de Haliton Kormann (PMDB), determinando que, quando um feriado cair em uma terça-feira, a Câmara transfira a sessão ordinária para o próximo dia útil.

O Regimento Interno da Câmara define que serão realizadas quatro sessões ordinárias por mês, sempre às terças-feiras. Porém, quando um feriado cai nesse dia, corre-se o risco de haver apenas três.

Na argumentação, Kormann defendeu a proposta justificando que o vereador precisa fazer jus ao seu salário e cumprir o mínimo de quatro sessões ordinárias mensais.

Waldemiro Dalbosco (PP) votou favorável ao projeto, porém, afirmou que não concorda com a justificativa. “O salário de um vereador não pode ser justificado pelo número de sessões, já que o trabalho fora da Câmara é ainda maior”, salientou.

Outro assunto tratado no encontro foi a baixa participação popular nas audiências públicas. Jaime Luiz Nuss (PMDB) citou o exemplo da reunião realizada na Câmara para apresentar o projeto de reurbanização da área central de Guabiruba no dia 18, em que poucas pessoas estiveram presentes.

O líder do governo na Câmara, Cristiano Kormann (PP) afirmou que, já prevendo isso, foram organizadas várias apresentações como para a CDL, Núcleo de Empresários e para os próprios vereadores de Guabiruba.

Agilidade

O presidente da Casa, Felipe Eilert dos Santos (PT), comemorou a notícia da mudança no processo licitatório para a conclusão das obras da creche do Bairro Imigrantes.

Como a verba é federal e foi disponibilizada para vários municípios, havia uma determinação de que a licitação fosse única e feita via União.

Porém, a empresa não cumpriu com o previsto e, agora, ficou decidido que as prefeituras cuidarão de todo o processo licitatório, o que deverá agilizar a entrega da creche para a comunidade.

Dúvidas ou Sugestões