Brusque tem caso suspeito de dengue

Brusque tem um caso de suspeita de dengue. Trata-se de um homem que mora na cidade e viajou recentemente ao Mato Grosso.

De acordo com a coordenadora de vigilância epidemiológica da secretaria de saúde de Brusque, Fernanda Lippert, foi feita coleta de sangue para que se possa confirmar ou não a presença da doença. A amostra foi encaminhada ao Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), em Florianópolis, e o resultado sai na próxima semana.

Lippert afirma que um foco do mosquito transmissor da dengue, o Aedes Aegypti, foi detectado no município. O local é uma residência no Bairro Cedrinho, onde as equipes de combate ao mosquito estiveram na última sexta-feira (16).

Por conta disso, ela alerta à população sobre os cuidados para evitar a proliferação do mosquito e a doença. Principalmente quando da presença de sintomas, que são dores nas articulações. Febre alta e dores pelo corpo.  “Pedimos que a população vá às unidades de saúde e faça os exames.  Outra coi8sa é que a população não deve deixar água parada para evitar a criação do mosquito”, pontua Lippert.

Fernanda disse que há conversas com outros municípios quanto aos riscos de proliferação entre pessoas que se deslocam de uma cidade a outra. Como em Itajaí, onde recentemente se descobriu casos suspeitos da doença. “Estamos preocupados porque vem muita gente de Itajaí para cá (Brusque) e pessoas daqui vão para lá. Por isso estamos dando bastante atenção e redobrando os cuidados”. 

Colaborou Francisco Carlos

Dúvidas ou Sugestões