Dois jovens são alvejados na Guabiruba

Duas pessoas foram alvejadas por arma de pressão no início de tarde desta segunda-feira (4), em Guabiruba, município vizinho a Brusque. De acordo com a Polícia Militar, a informação veio à tona depois que ambos chegaram feridos ao Hospital de Guabiruba, por volta de 14h40min. A Polícia Militar foi acionada, junto do Corpo de Bombeiros, para averiguar a situação.

Jonas Machado Lima (20) e Franciel Vander Correia (20), as vítimas, foram conduzidas ao Hospital de Azambuja pelos militares. Antes da condução, porém, a PM tomou conhecimento que eles foram alvos de disparos de chumbinho. A PM faz rondas em Guabiruba e nas saídas da cidade a fim de achar os responsáveis pelo crime.

Um carro chegou a ser abordado durante as buscas. No interior os PMs encontraram certa quantidade de drogas. Porém, não se sabe se há ligação com o fato.

Dúvidas ou Sugestões

Jovem é agredido por várias pessoas e tem celular furtado

Um jovem de 23 anos compareceu à Delegacia de Polícia para relatar que foi agredido por várias pessoas e teve seu celular furtado por volta das 23h de quarta-feira (13), quando voltava do trabalho. O fato aconteceu na região central da cidade, próximo do cruzamento da rua Gustavo Schlösser com a avenida Lauro Müller. Segundo o comunicado feito pela vítima, ele passava pelo local, quando um homem baixo e loiro veio em sua...
Continuar lendo...

Terminam os Jogos Escolares

Nos 11 dias de competições dos Jogos Escolares de Brusque muitos foram os desafios superados. Nesta sexta-feira (31) aconteceram as últimas modalidades dos Jogos, com a realização do atletismo e do basquete feminino, as duas modalidades aconteceram no complexo esportivo do Sesi.  Muito mais que medalha, o mais importante dos jogos foi o engajamento e a interação dos atletas e professores das unidades escolares participantes. O estudante...
Continuar lendo...

Pastor impedido de acompanhar funeral do pai será indenizado

A 2ª Câmara Civil do TJ confirmou sentença e condenou empresa aérea a indenizar cidadão que perdeu o funeral do pai em razão do cancelamento inesperado de seu voo. Ele receberá R$ 15 mil por danos morais. Consta nos autos que o cliente adquiriu passagem aérea com destino a Patrocínio, no interior mineiro, para acompanhar o sepultamento de seu pai, falecido na noite anterior. No entanto, não houve sequer o primeiro embarque,...
Continuar lendo...