Ave rara é encontrada em Dom Joaquim

Um suposto Urutau foi flagrado por moradores da Rua Beira Rio, no bairro Dom Joaquim. A ave, que é rara, foi encontrada há cerca de três semanas em um galho de árvore, onde permanece durante todo o dia, se movimentando poucas vezes.

O proprietário do local em que o Urutau foi localizado, Paulo Schwamberger Filho, chamou a reportagem da Rádio Cidade para mostrar a raridade em seu quintal. “Foi por acaso, eu e meu colega estávamos aqui olhando ao redor, e meu colega descobriu ele ali. Aí meu sobrinho viu e lembrou que havia assistido uma reportagem na TV e notou que era um Urutau”, afirma Paulo ainda dizendo que pesquisou na Internet para conhecer mais da ave, que está há mais de 20 dias na localidade.

O Urutau é uma ave de hábitos noturnos, comum na Mata Atlântica, e que, muitas vezes, utiliza de sua plumagem para se camuflar em galhos, pedaços de madeira ou até mesmo, troncos partidos em pé. A alimentação dele é constituída por insetos, de grande e pequeno porte, como morcegos, lagartos e pequenos pássaros.

A esposa de Paulo, Rose Schwamberger, comprovando a tese de que o pássaro seria um Urutau, contou que foi colocado um pouco de luz, durante a noite, e a ave deu um rápido vôo. “Na véspera de Natal, [à noite,] meu marido colocou a luz da lanterna nele, ele deu uma voada, depois ele voltou pro galho”.

Paulo acredita que o Urutau tenha um ninho por perto, por isso, não sai do local.

Publicado por Lana Martins

Dúvidas ou Sugestões