Tentativa de golpe foi aplicada em Brusque

Uma tentativa de golpe foi registrada na última terça-feira (26) em Brusque. Dois homens tentaram aplicar o chamado ‘conto do bilhete’ em Pum homem de 58 anos. Ele conta que ao sair do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Fiação, Malharia, Tinturaria, Tecelagem e Assemelhados de Brusque (Sintrafite), um homem (loiro, magro, sem barba e com aproximadamente 1,75 metros de altura, camisa branca e caça jeans), aparentando pouca instrução, chegou até ele perguntando se alguém sabia onde consertava motor de poço.

Da mesma maneira, chegou outro homem (loiro, mais ‘entroncado’, aproximadamente 1,68 metros de altura, cabelo curto, sem barba, camiseta branca e calça jeans) perguntando sobre a mesma coisa. Foi então, que o primeiro homem começou a contar uma história de uma suposta pessoa que havia lhe vendido um bilhete de loteria em sua casa, e em outras também. Porém, esta pessoa voltou no outro dia e queria comprar o bilhete de volta por R$ 19 mil e mais uma bicicleta e ele não havia aceitado, pois o bilhete era premiado e valia R$ 800 mil.

No momento, esse primeiro homem fez uma ligação para, segundo ele, a Caixa Econômica Federal, em frente à vítima. E que, supostamente, a pessoa da Caixa havia lhe falado, pelo número do bilhete, que era mesmo premiado e o dinheiro já estava liberado para o ganhador. Entretanto, precisava de documento do mesmo. Assim, o aplicador do golpe disse à vítima que estava sem documento e então, pediu a ele que fosse até o banco com seus documentos para sacar o dinheiro, e em troca, daria R$ 50 mil para cada um dos dois. Mas, para ganhar o dinheiro citado, eles deveriam dar R$ 10 mil para comprovar que devolveria a importância total do prêmio.

O segundo rapaz, mais que depressa, foi até a casa dele e buscou uma pochete com um bloco que, supostamente, teria R$ 10 mil. Então, o homem que estava sendo vítima e mais os dois entraram no carro, seguindo para a cooperativa de crédito Sicoob, dizendo que sacaria o dinheiro solicitado por um dos suspeitos. Porém, a vítima pensou melhor e resolveu não sacar nada, dando a desculpa de que precisaria da mulher junto para tal ação e dando apenas uma caderneta nova de conta para os dois.

Ainda segundo o boletim de ocorrência, os dois ficaram bravos, mas o trouxe novamente até o sindicato. Os dois estavam com um carro Eco Sport, modelo antigo e de cor prata.

LDO

Dúvidas ou Sugestões