Daniel será sentenciado por lesão corporal

O Júri Popular convocado na sexta-feira (14) pelo juiz Edemar Leopoldo Schlosser, que preside o Conselho de Sentença da Comarca de Brusque, desclassificou o crime de tentativa de homicídio cometido por Daniel Barbosa (27) contra Gilberto Day. A leitura da sentença dos jurados encerrou a primeira sessão do ano. Daniel, que voltou para o presídio de São Pedro de Alcântara, na Grande Florianópolis, onde continuará a cumprir pena por outros delitos, aguarda a decisão do juiz da vara criminal, que é quem determinará a pena que lhe será imputada por lesão corporal. O juiz Leopoldo Schlosser adiantou que não há data marcada para outras reuniões do Conselho de Sentença, uma vez que não há processos concluídos para tal medida.

Dúvidas ou Sugestões

Decretada prisão preventiva de mulher que incendiou casa com três filhos trancados

Em audiência de custódia realizada na tarde desta segunda-feira (14/10) com a mulher acusada de colocar fogo na residência em que estavam os três filhos, em Guatambu, no Oeste, o juiz Jeferson Osvaldo Vieira, titular da 1ª Vara Criminal da comarca de Chapecó, decretou a prisão preventiva da suspeita. De acordo com o boletim de Ocorrência, passava das 3h do último domingo (13) quando a mulher, de nacionalidade venezuelana, ateou fogo...
Continuar lendo...

Menor apreendido disse que comprou moto pela internet

Um adolescente de 16 anos de idade foi detido pela Polícia Militar após ser flagrado com uma motocicleta sem retovisor e sem placa. O fato ocorreu no início da tarde desta quarta-feira (15), na região da Estrada Geral do Salto, em Nova Trento. De acordo com a PM, o rapaz estacionou a moto em um estabelecimento comercial quando foi abordado. Ele disse que havia comprado a motocicleta pela internet por R$ 1.300,00. No entanto, não soube informar quem seria o...
Continuar lendo...

Vereadores adiam votação de projeto sobre parada de ônibus

A Câmara de Vereadores de Brusque adiou mais uma vez a análise do projeto de lei que dá ao passageiro de ônibus o direito de escolher onde quer descer nos horários entre 22h e 6h. O projeto é de autoria do vereador Gerson Luiz Morelli, o Keka, do PSB. A lei, se aprovada, visa dar mais segurança aos usuários do serviço, já que os ônibus somente param em locais devidamente identificados como pontos. O texto do projeto...
Continuar lendo...