Rodovias de SC fizeram dez vítimas neste final de semana

Entre a madrugada de sábado (24) e às 21h30min de domingo (25), foram registradas pelo menos dez mortes em acidentes de trânsito em Santa Catarina. Sete vítimas eram motociclistas.

Em Palhoça, na Grande Florianópolis, um motociclista morreu ao atropelar um cavalo na BR-101. Um menino que estava no animal também se feriu. Os nomes não foram divulgados.

No km 51,2 da BR-280, Josias de Liz (24) morreu ao bater sozinho o carro por volta das 5 horas de domingo, na cidade de Guaramirim. Além do acidente com Josias, a Polícia Rodoviária Federal registrou outros três na mesma rodovia.

Na SC-401, em Florianópolis, uma pessoa morreu e outra ficou gravemente ferida em um acidente de trânsito por volta das 22 horas de sábado. Um carro bateu contra uma moto. O condutor da motocicleta, Elton Luiz Eger (26), morreu no local. A carona foi levada para o hospital Celso Ramos. O motorista do automóvel fugiu sem prestar socorro às vítimas.

Um jovem morreu em um acidente na SC-135, na linha Caravaggio, interior de Ouro, no Oeste do Estado. A batida frontal aconteceu por volta das 20h30min de sábado. A vítima, que estaria dirigindo um dos veículos, é menor de idade, de acordo com a Polícia Militar de Capinzal. O outro motorista e três caroneiros saíram feridos.

Um motociclista morreu após bater em um micro-ônibus na estrada do interior de Barra Bonita, no Extremo-Oeste, por volta das 17h30min de sábado. Leandro José Rodrigues (21) não resistiu ao choque e morreu no local.

José Walter (42) morreu ao ser atropelado por um caminhão no Km 35,6 da BR-470, no sábado à tarde, em Gaspar. O motorista teria parado para prestar socorro, mas o pedestre não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Na BR-280, uma colisão frontal, por volta das 14h30min de sábado, matou o motociclista Jaisson Margins Gonçalves (23), em Mafra. Ele bateu a moto contra um Kadett. O motorista do Kadett saiu ileso e os passageiros do carro tiveram ferimentos leves.

Em Blumenau, João Domingos da Silva Filho (43) morreu sábado, às 22h30min, em uma batida na rua Pastor Oswaldo Hesse, bairro Ribeirão Fresco. Ele estava em uma motocicleta. O acidente também envolveu um Gol. Os dois bateram de frente. De acordo com o boletim da guarda municipal de trânsito, o motociclista morreu no local da batida.

Na ponte Pedro Ivo Campos, que dá acesso a Florianópolis, o motociclista Wilian da Silva (18) morreu ao bater em um carro na madrugada de sábado. A carona da moto, Taciana Maria Rodrigues (16), teve um pé amputado, além de sofrer traumatismo craniano. O motorista do carro que atingiu a moto, Felipe Monfroni Carneiro (35) se negou a fazer o teste do bafômetro, foi detido e liberado após pagar R$ 7 mil de fiança.

Às 5h45min de sábado, o motociclista Cirio José Vitti (29) morreu no km 40 da BR-280, no limite de Guaramirim e Araquari, no Norte do Estado. Conforme informações dos Bombeiros, um veículo teria colidido na traseira da moto. O motorista do carro fugiu sem prestar socorro.

Dúvidas ou Sugestões