Som alto gerou briga no Steffen

Segundo relato foi feito na DP, quatro pessoas foram agredidas no domingo (4) por cinco homens. Segundo informações das vítimas agredidas, o fato ocorreu por causa de som alto, onde as supostas vítimas pediram que o volume do som do carro fosse abaixado. Foi quando começou a confusão na rua Flávio Luz, no bairro Steffen

Furto - Diogo Azevedo, morador do bairro Dom Joaquim, relatou na Delegacia de Polícia o furto da CG Fan de cor preta e modelo 2007/2008, com placa MFI-8179, de Brusque. O furto ocorreu na rua 7 de Setembro, no bairro Santa Rita.

Confuso - Vanderlei da Luz, morador do bairro Volta Grande, registrou B.O. relatando que foi roubado pelos dois cunhados dele. Segundo o relato, um deles apontou uma faca para o peito de Vanderlei e mandou ele passar o relógio e R$ 350 em dinheiro que ele tinha. O outro cunhado, segundo a suposta vítima, estava com um pedaço de pau ameaçando ele.

Os dois cunhados estiveram na DP e relataram que Vanderlei é que os ameaçou, e que não houve nenhum roubo.

Confusão - A Polícia Militar foi acionada no domingo (4) por Orli José Alves dos Santos, morador de Joinville, que viu o carro dele - que foi furtado em março - passando pela rodovia Antonio Heil.

Os policiais interceptaram o veículo, que era dirigido pore Altair Luiz Pagnussatt. Todos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia, onde foi constatado que o Corsa de cor prata, ano 2001 e placas DDS-1258 de Joinville, estava com registro de furto. O carro pertence Samanta Padoin Tossotti, também moradora de Joinville.

 

Dúvidas ou Sugestões