Construção civil e mobiliário começa negociações

O Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção e do Mobiliário de Brusque e região (Sintricomb) começou na noite dessa sexta-feira (12) as negociações salariais e coletivas da categoria para o ano de 2010. A primeira das quatro reuniões programadas para o final de semana foi realizada na sede do sindicato, no Centro II.

A diretoria da entidade sugeriu aos trabalhadores presentes o percentual de reajuste de 10% a ser encaminhado à classe patronal. Mas o valor foi alterado para 12%, a partir de votação feita na assembleia. Além disso, foram discutidas ainda novas cláusulas presentes na convenção coletiva da categoria. Redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais e uma cesta básica no valor de R$ 70 a ser paga pelo empregador aos trabalhadores, são algumas delas.

O percentual de reajuste a ser solicitado ao patronal na noite desta sexta-feira ainda será avaliado por trabalhadores em outras três reuniões, nos municípios de Botuverá, Vidal Ramos (hoje - 13) e Canelinha, no domingo (14).  

Dúvidas ou Sugestões

Brusque atinge a meta

De acordo com dados repassados através da secretaria municipal de Saúde de Brusque, a vigilância epidemiológica contabilizou até esta sexta-feira (10), último dia da campanha de vacinação contra a Influenza 80,5% do público alvo. Por determinação do Ministério da Saúde, a campanha foi adiada no território nacional pelo fato de que estados e municípios, em sua maioria, não atingiram a meta de imunização estabelecida, que é de 80% do chamado grupo de risco de contrair o...
Continuar lendo...

Mais um passo na solução do problema

Integrantes da Associação de Moradores do Loteamento Planalto, do Bairro Limoeiro, estiveram na tarde de segunda-feira (5) na Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional (SDR). O encontro com o secretário regional Ewaldo Ristow Filho teve como objetivo conversar sobre a situação da duplicação SC-486, a Rodovia Antonio Heil, entre Brusque e Itajaí, já que os moradores estão preocupados com um dos...
Continuar lendo...

Sem solução

Não houve acordo. Pelo menos por ora. Esse foi o resultado da reunião entre Prefeitura, direção do Hospital de Azambuja, Comusa e os prefeitos de Brusque, Guabiruba e Botuverá e que busca uma solução ao impasse e a ameaça de fechamento da unidade para atendimentos via SUS. O encontro aconteceu no final da tarde desta terça-feira (28), no gabinete do prefeito Paulo Eccel. De acordo com comunicado emitido pela secretaria de Comunicação Social, embora haja a sinalização de que um...
Continuar lendo...